Notícias de Abrolhos

Dietas das Aves Marinhas no Parque Nacional dos Abrolhos, Bahia, Brasil

Dietas das Aves Marinhas no Parque Nacional dos Abrolhos, Bahia, Brasil - Inês de Lima Serrano & Severino Mendes de Azevedo-JuniorDietas das Aves Marinhas no Parque Nacional dos Abrolhos, Bahia, Brasil - Inês de Lima Serrano & Severino Mendes de Azevedo-Junior

RESUMO. Dieta das aves marinhas no Parque Nacional dos Abrolhos, Bahia, Brasil. A maior parte das aves marinhas são consideradas
oportunistas e alimentam-se do que está disponível. Entretanto, a obtenção de alimento demanda alto consumo de energia e estreitas
relações com a biologia reprodutiva. O objetivo geral deste trabalho foi analisar qualitativamente a composição da dieta das aves
marinhas no Parque Nacional dos Abrolhos, no Estado da Bahia, a fim de conhecer o uso dos recursos alimentares, verificar a
frequência de ocorrência e diversidade das presas ingeridas. Foram realizadas 3 expedições ao arquipélago, entre os períodos de
10 a 15 de dezembro de 1998, 05 e 06 de junho e 16 a 20 de julho de 1999, onde foram coletados regurgitos de 4 espécies: Fregata
magnificens (Mathews, 1914), Sula dactylatra (Lesson, 1831), Anous stolidus (Linnaeus, 1758) e Phaethon aethereus (Linnaeus,
1758). Entre os principais resultados (n= 70 amostras) foram identificadas 14 famílias e 25 espécies de peixes, respectivamente
e uma espécie de molusco, da família Loliginidae. Verificou-se que 99% da composição da dieta das aves corresponde a Peixes,
com a exceção de P. aethereus que apresentou 10% de lulas. Considerando-se os hábitos das presas identificadas, observou-se que
a maior porcentagem são de hábitos costeiros, sendo as famílias Clupeidae, Engraulidae e Exocoetidae as mais predadas. Com
relação a diversidade de presas, F. magnificens demonstra uma gama maior do que as outras espécies, embora a distribuição não
seja uniforme, com o valor da equitabilidade do Índice de Diversidade (Shannon-Wiener), indicando algumas presas dominando
a amostra. Já P. aethereus e S. dactylatra têm menos presas, mas a distribuição entre elas é mais uniforme, em especial para a
primeira. As informações obtidas indicam que as aves provavelmente, obtem alimento na área do Parque, incrementando o papel
da unidade na proteção das espécies de aves estudadas.
PALAVRAS CHAVES. Aves marinhas, alimentação, conservação, áreas protegidas.

Fonte Jornal Bahia DIA a DIA

top

Notícias de Abrolhos

  1. Expedição documenta áreas pouco conhecidas de Abrolhos
  2. Documentário sobre Abrolhos no Fantástico
  3. As baleias já estão chegando em Abrolhos!
  4. Governo estuda ampliar Parque de Abrolhos
  5. A revanche das baleias em Abrolhos
  6. Exploração de petróleo na costa ameaça Abrolhos
  7. Empresa vai explorar gás em Abrolhos
  8. Justiça libera exploração de petróleo em Abrolhos
  9. A decisão do presidente do TRF-1 pode causar graves impactos no meio ambiente, gerando prejuízos à biodiversidade e à comunidade mundial.
  10. Parque de Abrolhos recebe título internacional no Dia Mundial das Zonas Úmidas
  11. “Praga branca” está destruindo recifes de corais de Abrolhos
  12. Lula garante recuperação do aeroporto de Caravelas
  13. Abrolhos por baixo d’água
  14. Novas terras submarinas
  15. Pedra perigosa não cartografada
  16. Greenpeace faz protesto em alto-mar em Abrolhos
  17. Litoral brasileiro vira santuário de golfinhos e baleias
  18. Dietas das Aves Marinhas no Parque Nacional dos Abrolhos
  19. A história geológica de Abrolhos
Agendamento de passeios com pernoite Liveaboard
(21) 98474-2818
abrolhosviagens@gmail.com
Abrolhos Viagens
Catamarã Netuno. Abrolhos, BA - Brasil
Catamarã Zeus. Abrolhos, BA - Brasil


Trancoso Bahia
Corumbau Prado
Caraíva